Apesar de o mercado das milhas continuar se expandindo exponencialmente no Brasil, ainda tem gente que não conhece muito bem como funciona esse mecanismo de acumular e aproveitar milhas ou pontos. Então, decidi fazer esse post para essas pessoas. Vamos lá!

Programas de Milhas – O Básico

De um modo geral, todas as companhias aéreas têm seus programas de milhagem. Embora o princípio seja o mesmo, cada programa tem suas particularidades no que diz respeito ao acúmulo e uso de pontos.

Por exemplo, via de regra, voando uma determinada quantidade de milhas dá direito ao cliente de resgatar uma passagem de ida e volta dentro do Brasil. Mas se esse cliente voar mais ainda e acumular mais milhas, ele pode resgatar uma passagem para os EUA e assim por diante.

Ou seja, quanto mais milhas ou pontos o cliente tem, mais passagens ele pode resgatar, ou ele pode resgatar passagens mais caras, como viajar para a Europa de primeira classe com milhas.

Aqui no Brasil, temos as seguintes companhias aéreas e seus respectivos programas de milhagem:

  • Latam– Latam Pass
  • Gol– Smiles
  • Azul– TudoAzul

Além dos brasileiros, também são muito populares no Brasil o TAP Miles&Go e o AAdvantage da American Airlines.

Mais uma coisa: as companhias aéreas costumam fazer parte de alianças (Star Alliance, Oneworld e Skyteam) ou fazer parcerias. O Smiles, por exemplo, não faz parte de nenhuma aliança e preferiu se manter independente, mas formou diversas parcerias com outras companhias aéreas.

Quando se discute sobre o infarto do coração, a primeira questão que vem à mente é uma forte sensação de medo, pois o conceito de infarto geralmente está muito próximo do conceito de morte. As pessoas que já infartaram, relatam que sentiram uma dor extremamente opressiva no peito, com irradiação para o braço esquerdo e tiveram de correr para o hospital. No final das contas, foram submetidas a um cateterismo cardíaco para dilatação da artéria coronária entupida.

Este cenário é tão verídico que a sensação de dor no peito é inevitavelmente sinônimo de pânico exacerbado. Em geral, qualquer mínima sensação de dor no peito, principalmente do lado esquerdo, gera pavor nas pessoas e provoca verdadeiras aglomerações no consultório e pronto-socorro cardiológicos.

No entanto, a sensação de dor no peito nem sempre representa um infarto do coração. Existem outros diagnósticos que podem ser atribuídos a uma dor peito e, para isso, precisamos entender algumas particularidades e detalhes clínicos, para fazer as adequadas diferenciações.

Dessa forma, estarei elencando as principais causas de dor no peito, com algumas peculiaridades, diferenças clínicas entre si e possíveis estratégias de tratamento. Vamos começar pela mais temida que seria exatamente o infarto do coração.

  • Infarto do coração

Dor no peito opressiva, intensidade muito forte, duração mais prolongada (acima de 30 minutos), com irradiação para o braço esquerdo, podendo estar associada com sudorese fria, náuseas e vômitos. Esta dor não melhora com alimentação, uso de antiácidos para o estômago e nem fazendo alongamentos com os braços.

Um amigo é algo valioso que, uma vez encontrado, deve ser cuidado e valorizado

Antoine de Saint-Exupéry, autor do livro ‘O Pequeno Príncipe’, escreve: “Num mundo que se faz deserto, temos sede de encontrar um amigo”. Muitas vezes, vivemos em meio a multidões, mas nos sentimos sozinhos. Falta-nos a presença de um amigo que ouça nossas dores e cure, com o bálsamo das palavras de conforto, as feridas de nossa alma.

Amigo verdadeiro sabe cuidar do outro sem deixar de cuidar de si mesmo. Somente quem descobriu uma verdadeira amizade sabe valorizar esse dom tão precioso e valioso quanto um diamante. A melhor definição de amizade encontramos nas Sagradas Escrituras: “Um amigo fiel é uma poderosa proteção: quem o achou descobriu um tesouro. Nada é comparável a um amigo fiel; o ouro e a prata não merecem ser postos em paralelo com a sinceridade da sua fé. Um amigo fiel é um remédio de vida e imortalidade; quem teme ao Senhor achará esse amigo. Quem teme o Senhor terá também uma excelente amizade, pois o seu amigo lhe será semelhante” (Eclo 6,14ss). As verdadeiras amizades são tão preciosas, que são comparadas pelo Autor Sagrado como um tesouro. Algo valioso que, uma vez encontrado, deve ser cuidado e valorizado.